Política Terça-Feira, 12 de Junho de 2018, 08h:18 | - A | + A

DEU NO GAZETA DIGITAL

Taques reage ao saber que DEM lançará Mauro Mendes e fala em 'bateu-levou'

Pedro Taques lembrou que a decisão do DEM é um direito que cabe unicamente ao partido

PABLO RODRIGO

DO GAZETA DIGITAL

 

O governador Pedro Taques (PSDB) reagiu à decisão do Democratas em construir candidatura própria para a disputa ao Palácio Paiaguas. O tucano garante que a partir de agora será na base do "bateu-levou".

 

"Eu acho ótimo, pois eu estou cansado de apanhar sozinho, já que agora existe candidato, pode começar a  apanhar junto comigo", disse Taques ao Gazeta Digital.

 

Perguntado se sua campanha à reeleição poderá ter um tom mais agressivo e de ataques, o governador negou dizendo que buscará fazer compromissos e propostas, mas não pretende fugir do debate. "Até agora só eu fui chamado de incompetente, fracassado na administração, e outros predicativos", afirmou.

 

"Todos aqueles que estão no Executivo ou que se colocam na disputa estão mais suscetíveis às críticas. Da sociedade, do meio político e da imprensa. Enquanto ninguém se coloca, o único que está sujeito a isso sou eu", completou.

 

Pedro Taques lembrou que a decisão do DEM é um direito que cabe unicamente ao partido e que continuará com as amizades que tem na sigla.

 

A decisão do DEM de definir a a construção de candidatura própria ocorreu desta segunda-fiera (11) à noite durante reunião da Executiva Estadual do partido. Mendes e o ex-senador Jayme Campos deram sinal verde para que a sigla viabilize as candidaturas de ambos.

 

"O Democratas definiu dar início à construção das candidaturas majoritárias de Mauro Mendes e Jayme Campos. Vamos a partir de hoje buscar construir a viabilidade eleitoral, política, partidária e estrutural dessas candidaturas", disse o presidente estadual do DEM e deputado federal, Fábio Garcia, logo após a reunião.

 

Além de Mendes, Garcia e Jayme Campos, participaram da reunião o ex-governador Julio Campos e os deputados estaduais Eduardo Botelho, Dilmar Dal’Bosco e Adriano Silva. 

 

Agora já são 5 pré-candidaturas na disputa rumo ao Paiaguás: Mauro Mendes (DEM), Wellington Fagundes  (PR), Otaviano Pivetta (PDT), Procurador Mauro (Psol) e Pedro Taques (PSDB) que tentará a reeleição.

VOLTAR IMPRIMIR

COMENTÁRIOS

Benedito costa - 12/06/2018

No caso em tela ta mais para Pedro Taques que para esses outros. Dificilmente acontece de quem ta no poder, perder uma reeleiçao, principalmente aqui no Estado que já virou tradição. Portanto esse outros vão ter que esperniar muito e gastar o que não tem pra ganhar. Agora devo ressaltar que Mauro Mendes ta quebrado, suas empresas em recuperação, isso pode tornar alvo fácil pra ele recuperar essa grana no Estado e salvar suas empresas.

Robson Souza - 12/06/2018

O outro lado é desespero.

2 comentários

Copyright 2018 PNB ONLINE - Todos os direitos reservados. Logo Trinix Internet